Nem tudo começa aqui e nem tudo acaba aqui

Uma viagem conduzida por:

quarta-feira, maio 09, 2007

Ao largo


Talvez todos os meus medos e angústias tenham uma solução relativamente simples...

Quem sabe tudo não se resuma a uma única e simples constatação: no lugar de tomar como garantido que eu tenho o direito de ser feliz, deveria notificar-me, em carta com aviso de recepção, que tenho o dever de ser feliz.

Caso contrário permanecerei indefinidamente atracado ao largo da felicidade.

2 comentários:

Morgana disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Morgana disse...

Força e Coragem. Ser feliz é um direito que merece que lutemos e viajemos por ele.
Parabêns pelo seu espaço tão belo
Morgana

Arquivo do blogue