Nem tudo começa aqui e nem tudo acaba aqui

Uma viagem conduzida por:

quarta-feira, agosto 01, 2007

Realidade Irreal



Parei o carro naquela avenida e saí, no horizonte os Deuses do Olimpo pareciam acenar-me, aquele Tempo não era o meu Tempo, eu estava não estando ali.
Ao longe, a todo o momento, anjos poderiam surgir no horizonte anunciando alguma salvação, ouvindo, finalmente, as preces do mundo...
Seria este o lugar em que desembarcariam os Guerreiros da Luz? O lugar escolhido por magos e feiticeiros?
Imaginei tudo isso... perdi a noção do Tempo, do local onde estava e de toda a realidade(?) à minha volta... tinha passado mais de uma hora... que inquietante! Nem dei por isso, seria possível?
Por alguma razão olhei de novo para o horizonte e lembro-me de sorrir... e... do lado de lá... algo me sorriu também...

Arquivo do blogue