Nem tudo começa aqui e nem tudo acaba aqui

Uma viagem conduzida por:

domingo, abril 05, 2009

[ No Labirinto do Tempo... ]


" Algures... na noite fria... continuas a caminhar sózinho... tu sabes isso...
Lá em baixo, na cidade branca, recordas os momentos e a voz de quem habitou a cidade e que adorava escrever sobre ela...
Não compreendes a Humanidade nem os Homens que nela habitam, estão tão longe do castelo dos teus sonhos que te parece habitares um outro planeta, um outro Universo... quiçá paralelo ao teu próprio...
No vale em que andaste esta manhã... os pássaros receberam-te como sempre... os cheiros são os mesmos de quando eras criança enquanto descobrias que conseguias voar por entre as árvores altas...
Assim, no labirinto do Tempo, é aqui que te encontras... é aqui que o passado, o presente e um futuro te parece ser a mesma coisa..."

1 comentário:

Caçador de Palavras disse...

um momento que não é apenas mais um entre tantos outros... singular, entre tanto outros...

;-)

aquele abraço

Arquivo do blogue