Nem tudo começa aqui e nem tudo acaba aqui

Uma viagem conduzida por:

quinta-feira, abril 23, 2009

[ O Meu Silêncio... ]



" Ao longe o mar reescreve a poesia que um dia não foste capaz de escrever... e, ao mesmo Tempo, recordas o toque suave das mãos que conheceste...
Hoje o teu silêncio é melodia de uma noite à beira mar... e desejas sentir, num abraço, o pulsar do Universo segredando-te a palavra «amo-te»... "

2 comentários:

Caçador de Palavras disse...

a prova acabada de que o silêncio não é sinónimo de nada...

aquele abraço

Light Wings Above disse...

O Mar Traz Revela Sempre Belas Melodias...

Arquivo do blogue