Nem tudo começa aqui e nem tudo acaba aqui

Uma viagem conduzida por:

segunda-feira, fevereiro 19, 2007

Lágrimas do tempo


As lágrimas do tempo são uma chuva que cai para dentro de mim, levando tudo no dilúvio que transforma o meu coração na arca de Noé dum mundo virgem de tristeza e infelicidade.

2 comentários:

Passageiro do Tempo disse...

Algo enigmático e tocante este teu texto...
Abraço grande!

Sissi disse...

Lágrimas da alma...
Um texto lindooo!!...
Abraço grande
Sissi

Arquivo do blogue